MiaCasa Feng Shui

Pandemia: Para onde estamos indo?

Role para ver mais

Pandemia: Para onde estamos indo?

Escrevo uma coluna no Jornal do Sudeste chamada “As Coisas Boas da Vida” e a convidada especial é a Jacqueline Naylah, cientista bióloga, biopatologista, terapeuta holística, sacerdotisa, herdeira de erveiras, alquimistas, benzedeiras e parteiras.

Perguntei à Jacque: Em tempos de pandemia, para onde estamos indo? E ela sabiamente me respondeu:

Dia desses, em uma fila de supermercado, uma senhora me observava até chegar mais próximo e iniciar um diálogo…em poucas trocas de palavras já havíamos nos identificado (coisas de sintonia energética). No meio do diálogo, ela olha fixamente em meus olhos e pergunta:

“- Que coisa bem séria essa pandemia, para onde estamos indo?”

Sorri com os olhos e respondi: “para dentro de nós mesmos”.

E essa é uma pergunta que recebo diariamente em minhas redes sociais e minha resposta sempre foi a mesma, cada dia com mais certeza de que o caminho é esse mesmo!

Com toda certeza a pandemia é um cenário avassalador para todos nós, ainda estamos vivenciando e nos adaptando a essa nova forma de viver. A vida fica mais leve quando buscamos compreender o porquê de todo esse movimento. Para alguns a pandemia trouxe perdas familiares, de entes e amigos queridos; para outros a pandemia trouxe perdas econômicas severas; para todos a pandemia trouxe um desafio único e particular: cada um de nós precisou (e ainda precisa) mudar a jornada da vida, o rumo, as metas para alcançar um objetivo e um sonho.

E o que cada um de nós aprendeu? Costumo dizer que do ponto de vista espiritual, passamos a ter consciência plena de que Deus habita em nós. Os templos, paróquias, igrejas, ilês, centros religiosos estiveram fechados e vivenciamos de forma belíssima pessoas do mundo todo entoando orações dentro de suas casas. Buscando uma força interior para rezar por um amigo, acendendo uma vela por um familiar, agradecendo a Deus diariamente pela vida.

Passamos a dar muito valor para formas e gestos tão simples, singelos e humanos: um largo sorriso no rosto, um abraço apertado, o cheirinho de comida caseira do almoço de domingo na casa de nossos avós, crianças correndo no pátio das escolas. Cheiro de vida, barulho de vida. Vida. A pandemia nos trouxe a importância de viver cada momento, degustar o dia a dia com louvor e apreço, agradecer pelo simples fato de respirar profundamente.

Um desafio sempre vem para nos ensinar, pois a vida terrena nada mais é que uma experiência humana. A vida não para, nossa jornada segue…estamos lentamente caminhando nesse novo caminho, o grande aprendizado é ter  consciência de que esse caminho nos leva para o lado de dentro. É pra lá que todos nós estamos indo!

Jacqueline Naylah é autora dos livros “Eu te Benzo – O legado de minhas ancestrais” (2019) e “Diário de uma Benzedeira – Rezos, Alquimias, Receitas, Benzimentos e Simpatias” (2020).

 

 

 

 

Compartilhe

Veja Também

Espiritualidade e o COVID-19

A Bruxa da Nova Era

Os ciclos da Vida

Detox com o Feng Shui

Quer encontrar uma matriz de soluções para sua Vida?

Conheça as poderosas ferramentas do Feng Shui.

Ops! Preencha os campos corretamente e tente novamente.